Desenvolvimento de materiais avançados, substâncias biologicamente ativas e produtos oriundos da biomassa

  • Materiais Avançados: materiais que apresentam estruturas ou nanoestruturas diferenciadas que determinam propriedades físico-químicas superiores aos seus precursores
  • Blocos Químicos: moléculas e bibliotecas de produtos que permitem a geração de novos blocos químicos, podendo substituir rotas de fontes não renováveis, e gerar plásticos, produtos farmacêuticos, dentre outros
  • Substâncias Biologicamente Ativas: substâncias ou mistura de substâncias de origem vegetal, animal, química ou biotecnológica com finalidades terapêuticas, profiláticas, diagnósticas, estéticas, biotecnológicas ou nutricionais, para como por exemplo, produtos farmacêuticos, cosméticos, fitoterápicos e alimentos funcionais
  • Biocatalisadores: catalisadores de reações bioquímicas, incluindo lipases, celulases, amilases, dentre outras enzimas, vitaminas e hormônios, utilizados nos processos de transformação da biomassa, por exemplo na produção de combustíveis ou no desenvolvimento de blocos químicos
  • Biocombustíveis: combustíveis obtidos a partir de fontes renováveis, como bioetanol, biodiesel, biogás, óleo vegetal e outros

Processamento e aproveitamento energético de biomassas

  • Metodologias para caracterização de matérias primas, correntes de processos e produtos finais.
  • Rotas de processamento de desestruturação e fracionamento de biomassas.
  • Processos de produção de energia, produtos químicos, produção de biocombustíveis, bioenergia e blocos químicos.
  • Ferramentas de avaliação técnica do processamento de biomassa e sua cadeia produtiva (sustentabilidade econômica, ambiental e social).
  • Dispositivos a partir da biomassa para controle e caracterização de produtos e processos.